domingo, abril 29, 2012

Medo


O medo está ligado intimamente como sofrimento. Quando você tem medo sofre por tentar evitar a todo custo defazer determinada coisa. O medo te impede de vários atos, mas também te salvade muitos dissabores, e até a vida.
O medo é um sentimento pessoal, é inerente a cada um de nós, tal como o sofrer. Só quem sofre sabe a dor de sofrer e tem acerteza da intensidade do sofrimento.
Perder alguém que se ama muitonesse plano material tem algo a ver com o medo e o sofrimento. Sofremos pelaperda e temos medo, muitas vezes, de dizer que o tempo nunca apagará essaperda. E nunca apaga, mas lutamos para espantar o medo de perder novamente,mesmo sabendo que podemos perder e podem nos perder. Sofrer e ter medo são doissentimentos íntimos que nunca perdemos, principalmente quando se trata daprivação de ter uma pessoa do nosso convívio, ou um parente próximo.
A força interior, aquela força queaparece de não sei onde, pode muitas vezes amenizar o sofrimento, mas mesmoassim o sentimento de dor e o sofrer, somado a perda, é para o resto da vida.
Que vida, se já perdemos tudo e atéa noção de tempo?

Nenhum comentário:

Redação final da Lei da Terceirização

Altera dispositivos da Lei nº 6.019, de 3 de janeiro de 1974, que dispõe sobre o trabalho temporário nas empresas urbanas e dá outras...