sexta-feira, setembro 07, 2007

05/07/07 - 9h - Pit bull furioso (solto para se acostumar com a empregada) ataca e mata menino de 3 meses no colo da avó, e comove Ipatinga

 Foto: Jornal Vale do Aço

Bebê de 3 meses foi morto por um cão pit bull, ontem, em Ipatinga, a 565 quilômetros de Montes Claros. A avó, Maria da Conceição Rocha Sad, de 53 anos, estava com o neto no colo, na varanda da confortável casa da família de classe média alta, quando o pit bull atacou. A avó ficou ferida no rosto. Os bombeiros encontraram a avó encurralada na área de serviço e tentando – desesperada – livrar-se do cachorro. “Não conseguimos passar da cozinha, porque o pit bull estava muito agressivo. Chamamos a PM, pois o pit bull estava em cima da senhora” - contou o capitão dos bombeiros. O pit bull - chamado de “Zé Pequeno” - subiu numa janela e, nesta hora, um policial atirou várias vezes e o matou. A avó foi levada ao hospital em estado de choque. O bebê teve parte da cabeça dilacerada pelas mordidas. O pit bull tinha 2 anos e meio e era criado pela família. Os donos decidiram soltá-lo para que se acostumasse com a nova empregada. No momento do ataque, o pai do bebê viajava para São Paulo e a mãe estava no trabalho. ( Nas fotos, o menino de 4 meses, seus pais, o pit bull morto a tiros pela policia e a placa que na confortável casa da família de classe média alta advertia para o perigo do cachorro).

Nenhum comentário:

Redação final da Lei da Terceirização

Altera dispositivos da Lei nº 6.019, de 3 de janeiro de 1974, que dispõe sobre o trabalho temporário nas empresas urbanas e dá outras...